CNJ: Corregedor abre sindicâncias contra presidência do TJ-BA

Geral, 16 de Abr de 2013 - Vista 69 vezes.

Alvos são presidente, Mário Hirs e ex-presidente, Telma Britto

Twitter: @ItapebiAcontece




O corregedor nacional de Justiça, ministro Francisco Falcão, determinou, na sessão plenária desta terça-feira do Conselho Nacional de Justiça, a abertura de sindicâncias contra o atual presidente, Mário Alberto Simões Hirs e a ex-presidente do Tribunal de Justiça da Bahia, Telma Laura Silva Britto, ao apresentar o relatório preliminar da correição feita no Judiciário daquele estado na semana passada (de 8 a 12 de abril).


 
 
Depois de afirmar que “o quadro retratado de forma breve neste relatório preliminar de correição é grave”, o ministro Francisco Falcão destacou: “São indicadas sérias irregularidades na administração do tribunal, em relação a licitações, controle de pessoal e de precatórios. Os serviços dos cartórios extrajudiciais são deficientes e passam a impressão de que a administração do tribunal não tem a menor simpatia pela realização de concurso público para delegação. O setor de precatórios está sem controle, sobretudo em relação aos cálculos de atualização das dívidas e verificação dos requisitos legais para a formação dos autos dos precatórios, expondo o ente público a pagamentos indevidos de grande monta”.

Irregularidades

Dentre as irregularidades encontradas na inspeção do CNJ, foram detalhadas as seguintes: Indícios de extravio de uma ação civil pública por improbidade administrativa distribuída em março de 2011; excesso de R$ 448 milhões no pagamento de precatórios (diferença entre o valor devido e o pago); assessores de gabinetes trabalhando em regime de revezamento (comparecem uma ou duas vezes por semana e, supostamente, trabalham os outros dias em casa); contrato com o Banco do Brasil, com dispensa de licitação, para administração de depósitos judiciais; cerca de mil magistrados e/ou servidores não apresentaram nos últimos anos a declaração anual de bens e renda.
Consta também do relatório preliminar: “No tocante aos serviços judiciários, a deficiência se repete, no primeiro e no segundo graus, e não há qualquer medida eficaz por parte do tribunal para equacionar o problema. Os apontamentos indicam possível responsabilidade pessoal dos gestores, porque antes alertados quanto a questões levantadas no presente relatório, sem resposta ou sem providência adequada que satisfaçam as recomendações e determinações constantes em inspeções anteriores”.

Sindicâncias

O corregedor nacional de Justiça conclui assim o relatório: “Aprovo o relatório preliminar e determino a instauração de sindicâncias para apuração de responsabilidades em relação: a) ao funcionamento das serventias extrajudiciais submetidas ao regime oficializado; b) aos valores em excesso e aos demais apontamentos do setor de precatórios; c) às irregularidades verificadas na Secretaria do Tribunal Pleno – submetida à Presidência do TJBA; d) ao descumprimento das determinações e recomendações constantes em relatórios de inspeção da Corregedoria Nacional de Justiça; e) à falta de controle das entregas de declaração de bens e renda, descumprindo a Lei de Improbidade Administrativa; f) quanto aos indícios de inconsistências verificados na variação patrimonial apurados por técnicos requisitados junto à Receita Federal”.

“Considerando-se que os fatos constantes do presente relatório, e dos relatórios de inspeções anteriores, dizem respeito à presidência anterior e atual, deverão constar das sindicâncias, como sindicados, a desembargadora Telma Laura Silva Britto e o desembargador Mário Alberto Simões Hirs. Fixo o prazo de 30 dias para que as corregedorias da capital e do interior apresentem projeto de mutirão para as unidades judiciais e extrajudiciais com atrasos mais significativos”.



Jornal do Brasil 
 

Compartilhar

COMENTÁRIOS

Nenhum registro encontrado.




*Nota: O depoimento e comentário aqui postados são de inteira responsabilidade dos emitentes. Cabendo ainda os responsáveis pelo Site Itapebiacontece moderar as postagens.*

NOTÍCIAS

Avião da TransAsia cai em Taiwan e deixa 51 mortos

O voo levava 54 passageiros e quatro membros de tripulação

Geral, 23 de Jul de 2014

Idoso é detido com nove tatus e seis jacarés em ônibus na BR-242, na BA

Animais foram encontrados com senhor de 63 anos em Seabra. Segundo PRF, homem detido deve responder por crime ambiental.(Imagens Divulgação)

Polícia, 23 de Jul de 2014

Jogador brasileiro naturalizado é convocado para o exército da Ucrânia

O paulista de Mogi das Cruzes se assustou com a intimação, mas diz que o caso já foi resolvido pelo clube que defende, o Metalist Kharkiv.

Geral, 23 de Jul de 2014

Cobras 'montam guarda' para proteger bebê em vídeo; assista

Vídeo que chocou usuários foi postado em outubro do ano passado e já tem mais de 3 milhões de visualizações

Geral, 23 de Jul de 2014

Pai diz que bebê dado como morto se mexeu em velório; polícia investiga

“Eu estava perto da minha avó na hora, estava abotoando o macacão da menina, quando a gente viu ela se mexendo. Como a casa estava cheia, na hora o povo ficou sem...

Geral, 23 de Jul de 2014

Juízes de Eunápolis aderem à mobilização estadual

Atualmente, mais de 30 mil processos tramitam na justiça Eunapolitana.

Geral, 22 de Jul de 2014

Na ausência de Souto, Lúcio Vieira Lima, irmão de Geddel, dá as mãos a Rui Costa

Por ironia do destino, dois adversários políticos ficaram lado a lado: o candidato a governador do PT Rui Costa e o deputado federal Lúcio Vieira Lima (PMDB)

Política, 22 de Jul de 2014

Inspeção constata graves problemas em obra no município de Camacã

O relatório técnico apontou que a obra, ao custo de R$223.183,97, possui sérios problemas estruturais e encontra-se abandonada.

Região, 22 de Jul de 2014

Associações envolvidas na greve da PM vencem batalha judicial

De acordo com o colunista Jairo Costa (Correio), em decisão publicada na segunda-feira (21), a desembargadora Regina Helena Ramos Reis determina a liberação das...

Política, 22 de Jul de 2014

Lista de remédios que ficaram mais baratos sobe para 1.645 itens

Nesta segunda, Anvisa reduziu preço máximo de mais 174 medicamentos. Isenção de PIS/Cofins diminui preços em 12%, em média.

Geral, 22 de Jul de 2014

FALE CONOSCO

Sem enquetes cadastradas

VÍDEOS

CANÔA SUISSA II
POSTADO: 09-12-2013 12:12

NOTAS SOCIAIS

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 6
  • 7
  • 8
  • 9
  • 10
  • ...
  • 378