ITAPEBI: DIVULGADOS PROCEDIMENTOS DE APURAÇÃO E RESULTADOS DA ELEIÇÃO DOS CONSELHEIROS TUTELARES

Geral
08 de Outubro de 2019 11h10

A eleição aconteceu em diversos pontos do município, (Escola ACM, cidade Histórica, Ventania e Caiubi) a votação aconteceu das 8h às 17h.

Twitter: @ItapebiAcontece

 

 

O Conselho Municipal dos Direitos das Crianças e Adolescentes (CMDCA) e Secretaria Municipal de Assistência Social realizaram no último domingo (06) a eleição para conselheiros tutelares.

 

A eleição aconteceu em diversos pontos do município (Escola ACM, cidade baixa, Ventania e Caiubi) das 8h às 17h. Uma grande participação de eleitores, mesmo o voto sendo facultativo, onde 2.875 pessoas compareceram às secções. Lembrando que os eleitos serão responsáveis por zelar pelos direitos das crianças e dos adolescentes durante o mandato de 2020 a 2024.

 

Os conselheiros tutelares atuam conforme o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) e, em parceria com as escolas, organizações sociais e serviços públicos e fazem um importante trabalho de atendimento a crianças e adolescentes, para proteção de seus direitos.

 

Os Conselhos Tutelares são órgãos permanentes e autônomos, ou seja, uma vez criados, não podem ser extintos e subordinados a quaisquer outros órgãos estatais. Instituídos pela Lei 8.069, no dia 13 de julho de 1990, foram criados junto ao Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA).

 

A equipe de coordenadores e mesários nessa eleição contou com integrantes do CMDCA e alguns funcionários públicos municipais, previamente escolhidos e treinados para esse processo eleitoral. Todas as orientações aos candidatos foram realizadas em diversas reuniões, com a finalidade de manter a ordem e o respeito ao processo.

 

Cada candidato pôde indicar e cadastrar um fiscal por local de votação, onde na apuração foi permitida a permanência do candidato e mais um fiscal para o acompanhamento de todo o processo de contagem de votos.

 

Essa apuração aconteceu a plenária da Câmara Municipal de Vereadores, sendo iniciada às 18h30m e só encerrada com a contabilização dos votos de todas as urnas por volta das 00:30. Destacamos a presença da Polícia Militar, garantido toda segurança, caso houvesse necessidade.

 

A apuração foi dirigida pela Comissão Eleitoral do CMDCA, composta por Cristiano Silva Soares, Fabrícia Barbosa de Souza, Luciene Castor, Frederico Teles e Renivan Buriti. Sendo mantida a ética e transparência, onde ao final da contabilização dos votos de cada urna, o público era informado sobre o resultado parcial por candidato.

 

Foram 05 titulares eleitos, junto aos seus 05 suplentes, que atuarão na sede e nos distritos de Itapebi.

 

Classificação dos Titulares:

 

  1. Nicássio Caldas Pereira – 312 votos
  2. Leânia Teixeira dos Santos – 280
  3. Rodrigo Mendes Pedreira – 280
  4. Josenildo Freitas Lima – 273
  5. Heleny Oliveira de Sá – 243

 

Classificação dos Suplentes:

 

  1. Ailton da Conceição – 228
  2. Marlon Carmo dos Santos – 185
  3. Alex Nascimento de Jesus – 178
  4. Cristina Vieira Santos – 155
  5.  Derlei Barbosa da Silva - 144

 

O CMDCA agradece o apoio da Prefeitura Municipal de Itapebi por viabilizar o suporte necessário durante todo o dia de eleição.

 

Por: Lucas Freitas

Compartilhe por:

Comentários

*Nota: O depoimento e comentário aqui postados são de inteira responsabilidade dos emitentes. Cabendo ainda os responsáveis pelo Site Itapebiacontece moderar as postagens.*
23 de Outubro de 2019 18h10

Conheça o adolescente que vende paçoca para realizar sonho de ser empresário

Além de vender paçoca, o garoto também faz palestras em escolas públicas sobre educação financeira

23 de Outubro de 2019 18h10

TRF-4 decidirá no dia 30 se mantém condenação de Lula no caso do sítio

No processo do sítio de Atibaia, Lula foi condenado a 12 anos e 11 meses de prisão, pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro

23 de Outubro de 2019 13h10

DEPUTADO JÂNIO NATAL SUGERE AÇÕES PARA MINIMIZAR PREJUÍZOS NO LITORAL BAIANO PROVOCADO PELO ÓLEO NAS PRAIAS

Para o legislador, uma verdadeira tragédia ecológica e econômica se anuncia sobre Extremo Sul baiano “