Rui afirma que ida de Bolsonaro para o PP ‘complica’ aliança na Bahia

BAHIA
13 de Outubro de 2021 12h10

Governador informou que vai conversar com João Leão antes de viajar para buscar 'alternativas'

Twitter: @ItapebiAcontece

Foto: Divulgação / Sandra Travassos / Alba

O governador Rui Costa (PT) afirmou, nesta quarta-feira (13), que a filiação do presidente Jair Bolsonaro ao Progressistas complicará a manutenção da aliança partidária na Bahia. O partido, comandado no estado pelo vice-governador João Leão, mantém uma aliança histórica com os petistas baianos.

“Se isso se materializar, a situação fica muito complicada numa aliança para a chapa majoritária. Não é fácil isso. Ficará muito complicado. Espero que isso não se materialize, mas, se materializando, teremos que discutir alternativas possíveis”, afirmou durante ato de assinatura de ordem de serviço para modernização e construção de novas escolas em Salvador.

O líder baiano defendeu que a chegada de Bolsonaro ao PP “será uma tragédia” para deputados e deputadas do partido na Bahia que pretendem disputar a reeleição no pleito do ano que vem.

“Esse presidente [Bolsonaro] tem mais de 70% de rejeição no Nordeste, quase 80% de rejeição na Bahia. Será difícil até para os parlamentares serem eleitos dentro da sigla, porque o voto do Bolsonaro não se enquadra no perfil dos deputados do PP. Os eleitores de Bolsonaro não votam, a maioria deles, nos parlamentares do PP. Então, eles não ganharão esse voto e podem perder que têm”, disse.

Rui disse ainda que buscará junto com Leão “alternativas”, caso se concretize a ida de Bolsonaro para o Progressistas. O governador informou que senta para conversar com o vice-governador antes de sua viagem internacional, prevista para a próxima sexta-feira (15).

“Não existe rompimento com as pessoas [do PP]. Vamos buscar alternativas para essa situação. Não há nenhum rompimento previsto. Nossa relação continua excepcional com Leão e os deputados do PP. Esse final de semana estive com [Ronaldo] Carletto, na semana passada com outros parlamentares federais e estaduais em agenda, sem nenhum tipo de dificuldade de relacionamento com as pessoas do PP na Bahia”, afirmou o governador.

ItapebiAcontece - Fonte Bahia.ba

Compartilhe por:

Envie um comentário:

*Nota: O depoimento e comentário aqui postados são de inteira responsabilidade dos emitentes. Cabendo ainda os responsáveis pelo Site Itapebiacontece moderar as postagens.*

Comentários

20 de Outubro de 2021 13h10

Facebook planeja mudar de nome, afirma portal

Segundo o portal, Mark Zuckerberg planeja falar sobre a mudança de nome na conferência anual Connect da empresa

20 de Outubro de 2021 13h10

Primo de Alcolumbre é preso em operação da PF contra tráfico de drogas

Isaac foi preso com uma grande quantidade de dinheiro. O total ainda é desconhecido. “É muita coisa”, disse o delegado da PF

20 de Outubro de 2021 13h10

No relatório final da CPI, Renan pede indiciamento de Bolsonaro por dez crimes

O documento foi alterado na reta final para retirar a conclusão de que Bolsonaro também teria cometido os crimes de genocídio contra as populações indígenas e homicídio qualificado